Educação Inclusiva

Como identificar dificuldades de Aprendizagem?

Os históricos escolares indicam as características básicas de aprendizado de cada aluno. É de competência dos profissionais da área da educação, observar e identificar as dificuldades de aprendizagem apresentados por seus alunos.

Segundo dados do Governo Federal, a dificuldade de aprendizagem atinge cerca de 5% da população escolar. Portanto, é um assunto de extrema relevância e cuidados.

As dificuldades de aprendizagem estão relacionadas com alunos que possuem uma maneira diferente de aprender. Isto pode ocorrer por diversos fatores, como: uma barreira cultural, cognitiva ou emocional.

  • Barreira cultural: diz respeito ao meio em que o aluno vive e foi criado. Os estímulos gerados pela educação de berço, refletem diretamente no desenvolvimento em sala de aula.
  • Barreira cognitiva: trata-se de uma dificuldade na aquisição do conhecimento – falta de percepção, falta de atenção, incapacidade de associação, dificuldades de raciocínio e memorização, problemas relacionados ao pensamento, a linguagem e a imaginação.
  • Barreira emocional: compreende uma série de fatores que despertam no aluno o medo e outras emoções que o desestabilizam. Pode estar relacionado a carências afetivas, traumas, ou fruto da vida fantasmática (fantasias de crianças).

Dificuldades de Aprendizado X Transtorno de Aprendizado

É importante que o professor consiga identificar as diferenças ente dificuldades de aprendizagem e transtorno de aprendizagem. Este último, também chamado de distúrbio de aprendizagem, é caracterizado por uma disfunção neurológica.

No entanto, isto não quer dizer que o aluno seja incapaz. Pode-se tratar de um caso pontual e reversível, sendo necessário nestes casos, uma metodologia de ensino diferenciada e específica para este aluno

Alguns tipos de transtornos são facilmente identificados pelos professores. Dentre eles citamos:

  • Dislexia – Transtorno da leitura: o aluno demonstra problemas para identificar as palavras;
  • Transtorno de escrita: percebe-se a dificuldade do aluno na ortografia;
  • Transtorno de matemática: este distúrbio pode estar relacionado com a maneira como aluno associa o conhecimento oferecido na escola, com o mundo em que vive. Nem sempre, se trata de uma falta de habilidades na matemática.

O que fazer com um aluno com dificuldade de aprender?

 Ambos os casos, quando identificado pelo profissional da educação, devem ser prontamente tratados. Tanto as dificuldades de aprendizagem, quanto os transtornos precisam passar por avaliações com Profissionais Psicopedagogos Especializados.

Outros profissionais podem compor um grupo de assistência a estes alunos, estamos falando de psicólogos, fonoaudiólogos, e Especialistas em Educação Especial.

Em alguns casos, um acompanhamento médico é indispensável e não se descarta a possibilidade de tratamentos medicamentosos.

A importância da qualificação profissional no atendimento dos alunos em sala de aula. 

Programas educativos especiais devem fazer parte da rotina dos alunos com dificuldades de aprendizagem ou transtornos. No entanto, a especialização de professores é primordial no atendimento destes alunos em sala de aula.

A Faculdade Única é hoje referência em Pós-Graduação a distância em cursos da área da Educação. São mais de 50 cursos voltados para profissionais educacionais que querem se especializar e melhorar o profissionalismo em sala de aula.

Dois dos cursos que mais refletem no tratamento de alunos com deficiência de aprendizado ou com transtornos do aprendizado são:

  • Educação Especial Inclusiva: com carga horária de 1000 horas e uma metodologia ideal para profissionais que precisam se qualificar em curto prazo. Você consegue concluir este curso em 12 meses.
  • Neuropsicopedagogia: um curso inovador, com carga horária de 500 horas e a possibilidade de o profissional concluir sua especialização em 6 meses.

Especialize-se na área da Educação na Faculdade Única e melhore o seu potencial em sala de aula. Com toda certeza, a sua especialização te trará muitos benefícios: além do conhecimento, da oportunidade de se promover na evolução funcional e da qualidade do seu ensino.

Clique aqui e conheça os demais cursos na Área de Educação da Faculdade Única.

 

FAÇA JÁ SUA MATRÍCULA!

 

O que são Cursos Híbridos?

TEA: Curso de Autismo reconhecido pelo MEC| Você Precisa Ter no Seu Currículo

Qual a diferença Entre MBA e Pós-Graduação?

 

Related Posts